Sobre o Conceito de Justiça em John Rawls e Robert Nozick

Keberson Bresolin, Vicente Cougo Cichowski

Resumo


O presente artigo tem como objetivo apresentar o pensamento e o conceito de justiça como equidade presente na obra Uma Teoria da Justiça (1971) de John Rawls. Para isso, demonstraremos como o autor relaciona os conceitos de posição original e véu de ignorância como procedimento da escolha racional. Além disso, pretendemos apresentar também o conceito de justiça presente na obra Anarquia, estado e utopia (1974) de Robert Nozick. Por isso, abordaremos a concepção libertária nozickiana dos direitos individuais e o estado mínimo, o qual deve ser fundamentado para proteger estes direitos. Desta forma, procederemos expondo os princípios que subjazem no pensamento político de ambos os autores e como estes constroem seu arcabouço conceitual. Ao fazer isso, colocaremos as duas propostas em diálogo.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.